BRASIL, HOLANDA, CABO VERDE: UM ORATÓRIO PEREGRINA E FAZ HISTÓRIA

Todos se comovem com a narração da história de São José percorrendo a cidade de Belém de Judá, à procura de um teto onde a Virgem Maria pudesse se instalar e dar à luz seu Filho Jesus. Ele vai de porta em porta, recebendo de todos uma recusa fria, e às vezes desconfiada:

– Não, aqui não há lugar!

Cheio de aflição, José se lembra de uma gruta na qual costumava brincar quando criança. Leva logo Maria para lá. E é nessa gruta que nasce o Menino Jesus, Salvador da humanidade!

O Apostolado do Oratório, promovido pelos Arautos do Evangelho, visa prestar à Virgem Mãe de Deus o mesmo serviço que lhe prestou outrora São José em Belém. Ou seja, através de coordenadores escolhidos, percorre as cidades, de casa em casa, perguntando:

– Você quer receber Nossa Senhora em seu lar, um dia por mês, para aí nascer seu Filho Jesus?

E em nosso País, bem ao contrário do que aconteceu em Belém de Judá, a resposta de milhares de famílias tem sido:

– Sim, quero!

Um oratório peregrina e faz história 2.jpg

Com as irmãs da Congregação das Filhas do Sagrado Coração de Maria

Em todas as casas que lhe abrem as portas, o Oratório do Imaculado Coração de Maria entra como um raio de sol, iluminando as mentes e afervorando os corações. Reconciliando casais separados, concedendo graças de curas, reconduzindo aos lares adolescentes extraviados. Ajudando a solucionar problemas materiais de toda ordem.

Longa viagem e sucesso

Não é só no Brasil, país onde nasceu o Apostolado do Oratório do Imaculado Coração de Maria que, hoje, milhares de pessoas dizem: -Sim, quero!

Por vezes, basta que uma pessoa aproveite uma pequena oportunidade para que surja e se desenvolva em um lugar esse apostolado mariano.

Um oratório peregrina e faz história 3.jpg

Irmã Helena da Congregação das Filhas do Sagrado Coração de Maria

Atravessando o Oceano, alguns oratórios foram levados do Brasil para a Holanda e lá florescem com o surgimento de vários grupos de famílias que recebem mensalmente a Visita de Nossa Senhora.

Apareceu uma oportunidade e surgiu também a ocasião para que uma só senhora Dona Maria Furtado Fernandes, ela mesma, desenvolvesse um sonho: propagar a devoção a Nossa Senhora em seu distante país.

Férias Abençoadas

Dona Maria Furtado faz parte da numerosa comunidade cabo-verdiana da cidade holandesa de Rotterdam e decidiu utilizar as suas férias no fim do último mês de e abril e nos primeiros dias deste mês de maio, para fazer trabalho de evangelização por Maria em seu país de origem que fica a cerca de 450 quilômetros da costa ocidental africana.

Portanto um oratório do Imaculado Coração de Maria, do qual ela é coordenadora ela foi para Cabo Verde. Esteve naquele arquipélago visitando famílias para incentiva-las à oração em família, foi a casas religiosas, formou grupos de oração, visitou escolas para ensinar as crianças a rezar.

Um oratório peregrina e faz história 4.jpg

Com o Cardeal Dom Arlindo Furtado, antes do início da missa em honra de São José.

O resultado das férias de Dona Maria Furtado um apostolado profícuo e encorajador: ficou implantado o Apostolado do Oratório do Imaculado Coração de Maria no maio do Oceano Atlântico.

Dona Maria voltou encantada com as graças concedidas por Nossa Senhora nestes contatos, com os resultados obtidos, com a alegria e abertura com que ela era recebida e pelos pedidos de que outros oratórios sejam enviados para percorrerem as comunidades visitadas.

Ela sobretudo alegrou-se pelo fato de que constatou com sua experiência uma verdade:
Trabalhando por Nossa Senhora o apostolado floresce. E os frutos que logo são colhidos reforçam a verdade de que Nossa Senhora, “por um ovo,dá um boi”… (JSG)


Fonte: Conteúdo publicado em gaudiumpress.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Categorias

Visitas

Flag Counter
%d blogueiros gostam disto: