CELEBRAÇÃO DE ORDENAÇÃO DIACONAL

Posted in Sem categoria | Leave a comment

CELEBRAÇÃO: ORDENAÇÃO SACERDOTAL

Posted in Sem categoria, Vídeos | Leave a comment

SAGRADA FAMÍLIA: JESUS, MARIA E JOSÉ!

Jesus, Maria, José: três perfeições que chegaram todas ao pináculo a que cada uma devia chegar; três auges que se amavam e se inter compreendiam intensamente; três
perfeições altíssimas, admiráveis, desiguais, realizando uma harmonia
de desigualdades como jamais houve na face da Terra.

A santidade, a nobreza e a hierarquia da Sagrada Família

Uma família que, realmente, não poderia deixar de ser chamada de Sagrada: Jesus é a Segunda Pessoa da Santíssima Trindade, Sagrada Familia_3.jpgMaria a Virgem Mãe de Deus que trouxe em seu seio Nosso Senhor Jesus Cristo e São José, esposo da Virgem Maria e pai adotivo de Jesus.

Não estaria fora de propósito que, por ocasião destas comemorações recomendadas pela Igreja, pensássemos um pouco nessa Família modelo. Por exemplo, poderíamos cogitar um pouco sobre a pergunta seguinte: Como seria a santidade, a nobreza e a hierarquia na Sagrada Família?

Nessa Família nós temos a presença do Filho de Deus feito Homem. No Evangelho de São Lucas (Lc. 2, 52) está dito que o Menino Jesus “crescia em sabedoria, idade e graça diante de Deus e dos homens”.

São palavras inspiradas pelo Espírito Santo e, portanto, verdadeiras. Elas nos ensinam que no Homem Deus ainda havia o que crescer. De qualquer natureza que fosse esse crescimento, era um crescimento da perfeição perfeitíssima para algo que era uma perfeição ainda mais perfeitíssima. Por outro lado, nessa Família temos também Nossa Senhora.

Se considerarmos tudo quanto Ela é, nós veremos n’Ela um tal acúmulo de perfeições criadas, que um Papa chegou a declarar: d’Ela se pode dizer tudo em matéria de elogio, desde que não se Lhe atribua a divindade. Maria foi concebida sem pecado original e confirmada em graça logo a partir do primeiro instante do seu ser. Ela não podia pecar, não podia cair na mais leve falta, porque estava garantida por Deus contra isso.

Não tendo defeitos – isso é um aspecto importante desta consideração – também Nossa Senhora crescia constantemente em virtude. Ao lado do Menino Jesus e de Nossa Senhora estava São José convivendo com eles. É difícil elogiar qualquer homem, qualquer grandeza terrena, depois de considerar a grandeza de São José. O homem casto, virginal por excelência, descendente de Davi.

São Pedro Julião Eymard (cfr. “Extrait des écrits du P. Eymard”, Desclée de Brouwer, Paris, 7ª ed., pp. 59-62) nos ensina que São José era o chefe da Casa de Davi. Ele era o pretendente legítimo ao trono de Israel. Ele tinha direito sobre o mesmo trono que fora ocupado e derrubado por falsos reis, enquanto Israel era dividido e, por fim, dominado pelos romanos.

Três ascensões constantes, três auges atingidos

São José era um varão perfeito, modelado pelo Espírito Santo para ter proporção com Nossa Senhora. Pode-se imaginar a que píncaro, a que altura São José deve ter chegado para estar em proporção com Nossa Senhora! É algo imenso, inimaginável. É sumamente provável que São José também tenha sido confirmado em graça.

Então, assim sendo, na humilde casa de Nazaré, pode-se dizer que a cada momento que se passava, as três pessoas dessa Família Sagrada cresciam em graça e santidade diante de Deus e dos homens. São José deve ter falecido antes do início da vida pública de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Ele é o padroeiro da boa morte, porque tudo leva a crer que tenha sido assistido em sua agonia por Nossa Senhora e pelo Divino Redentor. Nos instantes finais de sua vida, Jesus e Maria o ajudaram a elevar sua alma à perfeição para a qual ele fora criado.

Não era a perfeição de Nossa Senhora, era uma perfeição menor. Mas era a perfeição enorme para a qual ele tinha sido chamado. Quando seu olhar embaçado já se ia apagando para a vida, São José contemplou Aquela que era sua esposa e Aquele que juridicamente era seu filho.

E, certamente, Ele extasiou-se com a ascensão contínua em santidade de Nossa Senhora e de Seu Divino Filho. E ao vê-Los subir assim nas vias da santificação, ele admirou e amou essa ascensão. E foi por admirar e amar o aumento da santidade de Maria e Jesus que Ele também, por sua vez, subia sem cessar na sua própria santidade. Esta tríplice ascensão contínua na casa de Nazaré, constituiu o encanto do Criador e dos homens.

Jesus, Maria, José: três perfeições que chegaram todas ao pináculo a que cada uma devia chegar; três auges que se amavam e se inter compreendiam intensamente; três perfeições altíssimas, admiráveis, desiguais, realizando uma harmonia de desigualdades como jamais houve na face da Terra.

Entretanto, a hierarquia posta por Deus entre estas três sublimes desigualdades era de uma ordem admiravelmente inversa: Aquele que era o chefe da Casa no plano humano era o menor na ordem sobrenatural; o Menino, que deveria prestar obediência aos pais, era Deus.

Uma inversão que nos faz amar ainda mais as riquezas e as complexidades de qualquer ordem verdadeiramente hierárquica; uma inversão que leva a alma fiel, a alma desejosa de meditar sobre tão elevado tema, a entoar um hino de louvor, de admiração e de fidelidade a todas as hierarquias, a todas as desigualdades estabelecidas por Deus.

Quem é mais, manda menos

À primeira vista, a constituição da Sagrada Família é um mistério. Pois nela quem tem mais autoridade é São José, como patriarca e pai, com direito sobre a esposa e sobre o fruto de suas puríssimas entranhas.

A esposa é Mãe de Deus, Mãe da Segunda Pessoa da Santíssima Trindade. Sendo Mãe, tem Ela poder sobre um Deus que Se encarnou em Seu seio virginal e Se fez seu filho. Nosso Senhor Jesus Cristo, como filho, deve obediência a esse pai adotivo, aceitando em tudo aSagrada_Familia.jpgorientação e a formação dada por José; e também à sua Mãe, a criatura Sua. Que imenso, insondável e sublime paradoxo!

Assim, na ordem natural, José é o chefe; Maria, a esposa e mãe; e Jesus, a criança. Porém, na ordem sobrenatural, o Menino é o Criador e Redentor; Ela, a Medianeira de todas as graças, Rainha do Céu e da Terra; e José, o que de si tem menos poder, exerce a autoridade sobre Nossa Senhora, a qual tem a ciência infusa e a plenitude da graça, e sobre o Menino, que é o Autor da graça.

Deus ama a hierarquia

Por que dispôs Deus essa inversão de papéis?

Assim fez para nos dar uma grande lição: Ele ama a hierarquia e deseja que a sociedade humana seja governada por este princípio, do qual o próprio Verbo Encarnado quis dar exemplo.

Bem podemos imaginar, na pequena Nazaré, a prestatividade, a sacralidade e a calma de Jesus, auxiliando José na carpintaria: serrando madeira, pregando as pelas de uma cadeira, quando bastaria um simples ato de vontade Seu, para serem imediatamente produzidos, sem necessidade sequer de matéria-prima, os mais esplêndidos móveis, jamais vistos na História.

Entretanto, afirma São Basílio, “obedecendo desde sua infância a seus pais, Se submeteu Jesus humilde e respeitosamente a todo trabalho braçal. Assim, logo que São José mandasse – e com que veneração! – o Filho fazer um trabalho, Este Se punha a executá-lo!

Pois agindo dessa maneira – honrando o pai que estava na terra e aceitando, por exemplo, fazer um móvel de acordo com as regras da natureza – dava Jesus mais glória a Deus Pai, que O havia enviado. Afirma São Luís Grignion, a propósito de sua obediência a Nossa Senhora: “Jesus Cristo deu mais glória a Deus submetendo-Se a Maria durante trinta anos, do que se tivesse convertido toda a terra pela realização dos mais estupendos milagres.”

Assim, temos dentro da própria Sagrada Família um impressionante princípio de amor à hierarquia, porque, uma vez que Jesus havia desejado nascer e viver numa família, Ele honrava pai e mãe, mesmo sendo onipotente e o Criador de ambos.

Príncipe e operário

Outro paradoxo foi colocado pelo Criador nas complexidades desta nobilíssima ordem hierárquica. São José era o representante da Casa Real mais augusta que houve em todos os tempos: enquanto de outras Casas nasceram reis, da Casa de Davi, nasceu um Deus. Os únicos cortesões à altura dessa Casa Real seriam os Anjos do Céu.

Porém, ainda por desígnio divino, o chefe da Casa de Davi, São José, era, ao mesmo tempo, um trabalhador manual: era carpinteiro. E Nosso Senhor Jesus Cristo também exerceu essa atividade antes de iniciar sua vida pública.

Deus quis que, assim, as duas pontas da hierarquia temporal se ligassem naquele que é o Homem Deus. Em Jesus Cristo está a condição de príncipe real da Casa de Davi, de pretendente ao trono de Israel. E esta condição coexiste com a de mero carpinteiro, de operário, colocado no extremo oposto da escala social.

Esta coexistência de perfeições, em ambos os aspectos – tanto no de Criador – criatura como no outro, incomparavelmente menor, de rei-operário – reúne os extremos para reforçar a coesão dos elementos intermediários da hierarquia: os elementos se unem pela união dos extremos.

Assim, a sacrossanta hierarquia no interior da Sagrada Família não nos aparece apenas como um conjunto de cimos tão altos que a nossa vista física e mental custa a alcançar. Ela representa também um abraço hierárquico, desigual mas afetuoso, entre todos os degraus da ordem social. De tal maneira que, aquele que ocupa lugar mais alto abraça afetuosamente o que está mais baixo e diz: “Enquanto natureza humana somos todos iguais”.

Amor desinteressado à Hierarquia

Na Sagrada Família, o exemplo de São José, de Nossa Senhora e de Nosso Senhor Jesus Cristo nos leva a compreender melhor a hierarquia no que ela tem de mais puro, de mais límpido, de mais perfeito, na qual não há egoísmo nem pretensão.

Nessa Família existe o puro amor de Deus que gera amor às várias hierarquias sem preocupação de ser muito, de fazer muito ou Sagrada Familia_.jpgpoder muito. A hierarquia aqui é amada. E é amada por amor de Deus. As almas que têm o verdadeiro senso da hierarquia amam deste modo os que lhes são superiores.

A palavra “majestade” tem para elas um sentido, um mistério, um “lumen”, um brilho especial que torna respeitáveis e veneráveis reis, imperadores e superiores em geral, mesmo quando estes, por seus defeitos pessoais, não merecerem as homenagens que lhes são prestadas por serem eles quem são.

Mas se, para aquilo a que foram chamados, em algo correspondem, esse algo, por pequeno que seja, é como o aroma de uma flor incomparável da qual se tira uma gota, cujo perfume produz sobre o homem reto um efeito semelhante ao que a santidade maior produz sobre a santidade menor.

E isto tem alguma analogia com o que se passava na Sagrada Família, entre as três pessoas indizivelmente excelsas – uma delas divina – que a compunham.

Eis aí algumas considerações sobre o enlevo e o entusiasmo que as verdadeiras hierarquias – como aquela que existiu, em grau arquetípico, na Sagrada Família – podem e devem suscitar nas almas retas e autenticamente católicas.

Uma vida de aparência normal

Não devemos supor que na Sagrada Família tudo era absolutamente místico, sobrenatural e pleno de consolações. Do Menino Jesus não se pode dizer que vivia de fé porque sua alma estava na visão beatífica. Entretanto, quis que seu corpo tivesse o desenvolvimento normal de um ser humano. Assim, por exemplo, não nasceu falando, embora pudesse falar todas as línguas do mundo.

Nossa Senhora e São José levavam também uma vida inteiramente comum na aparência e, como todos os homens, sofreram perplexidades e angústias. Disto nos dá exemplo o Evangelho (Lc 2, 41-52): “Teu pai e Eu estávamos, angustiados, à tua procura”.


Notas:
– Desenvolvimento de anotações de conferência feita pelo Prof. Plinio Corrêa de Oliveira, em 2-11-92, para um grupo de jovens.
– Trechos do Comentário ao Evangelho, Monsenhor João Clá Dias, EP, Revista Arautos do Evangelho, Dez/2009, n. 96)
Fonte: Arautos do Evangelho
Posted in Artigos, Notícias, O Santo do dia, Orações | Leave a comment

BAHIA FESTEJA SENHOR BOM JESUS DOS NAVEGANTES E NOSSA SENHORA DA BOA VIAGEM

Os devotos do Senhor Bom Jesus dos Navegantes e de Nossa Senhora da Boa Viagem, na Bahia, celebram a festa dos seus padroeiros inspirados na temática “Servindo o Reino de Deus no mundo, como sujeitos em saída, conduzidos por Senhor Nome Jesus dos Navegantes pelos mares da vida”.

Bahia festeja Senhor Bom Jesus dos Navegantes e Nossa Senhora da Boa Viagem.jpg

A abertura dos festejos teve lugar na matriz da Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem nesta quarta-feira, 27 de dezembro, com alvorada e queima de fogos às 5h.

Na mesma data, às 7h30, houve a primeira Missa, e às 9h, aconteceu a lavagem do templo, seguida de um momento de oração. Às 11h, os fiéis se reuniram para acompanhar o hasteamento da bandeira da Devoção. Mais à noite, às 20h, foi realizada a segunda e última celebração eucarística do dia.

A programação festiva continua entre os dias 28 e 30 de dezembro, quando será feito o tríduo preparatório, sempre a partir das 20h.

No segundo dia do tríduo, 29, a cerimônia será presidida pelo bispo auxiliar da Arquidiocese de Salvador, Dom Marco Eugênio Galrão Leite de Almeida.

Assim como nos anos anteriores, haverá a tradicional descida da galeota Gratidão do Povo ao mar, marcada para às 8h do dia 31 de dezembro. Já a Missa do Embarque terá início às 15h30, sendo presidida pelo Arcebispo e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger.

Na ocasião, uma procissão com a Imagem de Bom Jesus dos Navegantes sairá da Boa Viagem com destino ao cais do Porto de Salvador. De lá, seguirá em procissão terrestre até a Basílica Santuário Nossa Senhora da Conceição da Praia.

Em 1º de janeiro de 2018, Dom Murilo presidirá a Santa Missa às 8h, na Basílica da Conceição da Praia.

Os devotos que estiverem na Igreja da Boa Viagem participarão de celebração às 9h.

Por volta das 10h, iniciará a procissão terrestre, partindo da Conceição da Praia até o píer da Capitania dos Portos. Apenas a Imagem de Bom Jesus dos Navegantes será embarcada e seguirá em procissão de volta à Igreja da Boa Viagem.

A Imagem do Bom Jesus deverá chegar à praia da Boa Viagem por volta das 12h30.

Na sequência, acontecerá o encontro entre as imagens do Bom Jesus e de Nossa Senhora da Boa Viagem, que serão transladadas para a Igreja da Boa Viagem, local que receberá os fiéis para um momento de veneração. À tarde, às 15h, os padroeiros serão recolhidos antes do templo ser fechado.

O encerramento dos festejos ocorrerá no dia 7 de janeiro. Para este dia, a programação contará com a recitação do Terço às 15h30 e Missa às 16h, sendo essas duas atividades na Praça da Boa Viagem.

Logo depois da Missa campal, será feita a procissão terrestre, que percorrerá a Avenida Luís Tarquínio, passará pela Praça Irmã Dulce, Avenida Dendezeiros, Baixa do Bonfim, Rua da Imperatriz e retornará para o Largo da Boa Viagem. (LMI)


Fonte: Conteúdo publicado em gaudiumpress.org

Posted in Encontros, Missas e Procissões, Notícias | Leave a comment

INSTALAÇÃO E POSSE DE BISPO DE CRUZ DAS ALMAS (BA) ACONTECEM EM JANEIRO DE 2018

A Arquidiocese de Salvador celebrará no mês de janeiro de 2018 a instalação da Diocese de Cruz das Almas e a posse de seu primeiro bispo diocesano, Dom Antônio Tourinho Neto, marcada para o dia 28, às 10h. A cerimônia será realizada na matriz de Nossa Senhora do Bom Sucesso, futura Catedral, no município de nome homônimo ao bispado.

Instalação e posse de bispo de Cruz das Almas (BA) acontecem em janeiro de 2018

A cerimônia será presidida pelo Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni D’Aniello. O Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, também estará presente na solenidade.

Desmembrada da Arquidiocese de Salvador, a Diocese de Cruz das Almas localiza-se no recôncavo baiano e agregará, sob a sua circunscrição, os municípios de Cabaceiras do Paraguaçu, Cachoeira, Cruz das Almas, Governador Mangabeira, Maragogipe, Muritiba, Santo Amaro, São Félix, Sapeaçu e Saubara.

Dom Antônio Tourinho esteve atuando como bispo auxiliar na Arquidiocese de Olinda e Recife de janeiro de 2015 até 22 de novembro de 2017, quando foi nomeado bispo da mais nova diocese.

No último dia 21 de dezembro, Dom Tourinho fez sua primeira visita à Diocese de Cruz das Almas, acompanhado por Dom Murilo Krieger e por Dom Hélio Pereira dos Santos, bispo auxiliar de Salvador. No local, o religioso encontrou-se com o clero local, formado por sacerdotes e diáconos permanentes, a fim de tratar da solenidade de ereção canônica do bispado e da posse episcopal. (LMI)


Fonte: Conteúdo publicado em gaudiumpress.org

Posted in Missas e Procissões, Notícias | Leave a comment

PREMIAÇÃO DOS PRESÉPIOS EM SALVADOR

O Presépio dos Arautos do Evangelho recebeu a premiação do Concurso de Presépio, promovido pela Arquidiocese de Salvador através da Pastoral da Comunicação (Pascom), no dia 22, pelas mãos de Dom Murilo Krieger, Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil. O Arcebispo entregou os troféus dos ganhadores das diversas categorias: paroquial, institucional, familiar. O pe. Carlos Tonelli, EP, representou os Arautos do Evangelho neste evento, recebendo o primeiro premio institucional.Veja toda cobertura dos ganhadores na reportagem da Arquidiocese: Premiação  do Concurso de Presépios.

Além de receber a premiação pela Arquidiocese,  o resultado do Concurso de Presépios é sempre divulgado pela emissora de TV local. Os Arautos receberam a equipe de reportagem da Rede Bahia para divulgação dos ganhadores. Para assistir a reportagem, clique aqui.

Posted in Sem categoria | 1 Comment

NOVENA DE NATAL: HOJE É O ÚLTIMO DIA. PEÇA!

Preparemo-nos para a chegada do Salvador!

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Orações | Leave a comment

NOVENA DE NATAL: JESUS, MARIA E JOSÉ, NO PRESÉPIO! PEÇA!

Preparemo-nos para a chegada do Salvador!

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Orações | Leave a comment

POR QUE PARTICIPAR DAS CELEBRAÇÕES UM DIA ANTES DO NATAL?

O próximo 24 de dezembro será o 4º domingo do Advento e a Vigília do Natal ou a do Natal do Senhor, no caso da celebração da Primeira Véspera da Solenidade do dia seguinte, 25 de dezembro.

 Por que participar das celebrações um dia antes do Natal?
Foto: CNBB

De acordo com o Catecismo da Igreja Católica, a celebração dominical do Dia e da Eucaristia do Senhor está no coração da vida da Igreja. “O domingo, em que se celebra o mistério pascal, por tradição apostólica, deve guardar-se em toda a Igreja como o primordial dia festivo de preceito”.

Assim, o dia do Natal de Jesus está entre aqueles que devem ser guardados, sendo a participação dos fiéis obrigatória no dia festivo ou na tarde antecedente.

Sobre esse assunto, o bispo de Livramento de Nossa Senhora (BA) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Liturgia da CNBB, Dom Armando Bucciol, explica “de maneira essencial” o que os fiéis podem fazer:

Segundo Dom Bucciol, cada um deve fazer o possível para participar no sábado à noite ou no domingo pela manhã da missa do 4º domingo do Advento, “para participar também da missa da noite do Natal e/ou do dia de Natal, que tem as duas celebrações características litúrgicas e espirituais próprias. Esse é o ideal que todo cristão católico é convidado a viver”.

Compreendendo e vivendo a situação da maioria das comunidades do Brasil, o prelado, que é responsável por uma diocese no interior da Bahia, reconhece as dificuldades presentes nos lugares nos quais há somente uma missa e, de costume, à noite. “A missa da noite do dia 24 abre para a celebração do Natal do Senhor, com a missa da noite de Natal. Nesse caso, aconselho os irmãos e as irmãs para que, se puderem, vivam com fé, em profunda oração o 4º domingo do Advento, esperando com Maria, e como Maria – ela é a protagonista do quarto domingo do Advento – esperando a chegada do Senhor”.

 Por que participar das celebrações um dia antes do Natal?
Dom Armando Bucciol

O presidente da Comissão para a Liturgia da CNBB convida os fiéis para a vivência no espírito litúrgico do Advento, que abre para a acolhida do Natal do Senhor. Além disso, recorda o ensinamento do Papa São João Paulo II, para quem a participação semanal na Eucaristia “‘deve ser uma exigência, mais do que uma obrigação’. Trata-se de uma espiritualidade litúrgica que deve informar e formar a vida toda do cristão”.

“Se é verdade que as duas celebrações – 4º domingo e Vigília de Natal – tem características próprias, leituras e uma liturgia própria, nos pedem de participar de ambas. Mas quem não puder, por motivo de alguma concreta dificuldade, eu insisto: viva com fé e alegria o dia de domingo com intensidade espiritual e em atitude de orante espera”, ressalta.

Dom Armando conclui lembrando a antífona da entrada da missa da Noite de Natal, que diz: “alegremo-nos todos no Senhor, hoje nasceu o Salvador do mundo, desceu do céu a verdadeira paz”.

“Que possamos nos dispor com intensa espiritualidade para acolher o Salvador do Mundo e a sua verdadeira paz”, deseja. (LMI)


Fonte: Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/91973#ixzz521JR2lKT

Posted in Sem categoria | Leave a comment

SÃO THOMAZ DE CANTUÁRIA É CELEBRADO NA DIOCESE DE CAMAÇARI (BA)

Entre os dias 29 de dezembro de 2017 a 7 de janeiro de 2018, a Catedral São Thomaz de Cantuária acolhe o novenário em honra ao Padroeiro da Diocese de Camaçari, na Bahia. O tema central dos festejos intitula-se “O discipulado e a missão nascem do encontro com Cristo”.

São Thomaz de Cantuária é celebrado na Diocese de Camaçari (BA).png

Na ocasião, os devotos poderão participar do novenário às 19h, exceto nos dias 31 de dezembro e 6 de janeiro, que será às 18h30.

Entre as foranias que são convidadas especiais para festejar o Padroeiro diocesano estão a Forania São Miguel (29 de dezembro), Forania São Thomaz (30 de dezembro), Forania Divino Espirito Santo (4 de janeiro), Forania São Sebastião (5 de janeiro) e Forania Sagrada Família (6 de janeiro).

No último dia da festividade, a programação terá início às 5h com alvorada de fogos, seguido de Oficio de São Thomaz às 6h e Missa às 7h.

Por volta das 11h, os fiéis serão convidados a participar da Adoração ao Santíssimo Sacramento com Hora Média.

Já a tradicional procissão pelas ruas do município sairá às 16h da Comunidade Santo Antônio, no Bairro do Triângulo. Por fim, a Missa Solene terá lugar na Praça Desembargador Montenegro, no Centro de Camaçari.

São Thomaz defendeu a fidelidade a Deus, bem como a liberdade da Igreja e os interesses da população cristã, e por isso, foi perseguido, exilado e morto na Catedral de Cantuária, na Inglaterra.

O Santo é o padroeiro da Diocese de Camaçari e é considerado um modelo de vida e intercessor junto a Deus. Sua festa litúrgica acontece no dia 29 de dezembro, data que marca a abertura do novenário na Catedral São Thomaz de Cantuária. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Diocese de Camaçari


Fonte: Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/92003#ixzz5232lN2Rs

Posted in Sem categoria | Leave a comment

NOVENA DE NATAL: ADORANDO JESUS NO PRESÉPIO!

Preparemo-nos para a chegada do Salvador!

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Orações | Leave a comment

NOVENA DE NATAL: FAÇA SEUS PEDIDOS A JESUS NO PRESÉPIO!

Preparemo-nos para a chegada do Salvador!

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Orações | Leave a comment

NOVENA DE NATAL: PEÇA MUITAS GRAÇAS AO MENINO JESUS!

Preparemo-nos para a chegada do Salvador!

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Orações | Leave a comment

PRIMEIRO PRÊMIO DOS PRESÉPIOS NA CATEGORIA INSTITUCIONAL É DADO AOS ARAUTOS DO EVANGELHO PELA ARQUIDIOCESE PRIMAZ DO BRASIL

Celebrando o nascimento de Jesus, a Arquidiocese de Salvador através da Pastoral de Comunicação (Pascom) promoveu a 6ª edição do Concurso de Presépios que tem parte do Projeto Salvador, Cidade Natal do Brasil. Essa construção estimula a criatividade e promove entre as famílias, as paróquias e as instituições as tradições natalinas.

A Associação Arautos do Evangelho participou e ficou em primeiro lugar, na Categoria Institucional desta edição que, através de um espetáculo de luzes, sons e movimentos deu vida a mais bela de todas as histórias da humanidade: o nascimento do Menino Jesus! São várias as cenas feitas artesanalmente com muito amor e carinho pelos Arautos, no intuito de reavivar, dentro de todos, o verdadeiro sentido do Natal. A visita permanecerá até o dia 6 de janeiro, dia da festa de Reis, na Capela Nossa Senhora da Reconquista e São Domingos (Rua 15 de janeiro, nº 249, Caji, Lauro de Freitas).

A Pascom divulgou os vencedores do 6º Concurso de Presépios, que receberão os troféus das mãos do Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, em encontro que acontecerá na próxima sexta-feira, dia 22 de dezembro, às 11h, na Cúria Metropolitana de Salvador (Avenida Leovigildo Filgueiras, 270, Garcia). Abaixo, seguem as Categorias, com os respectivos vencedores:

Categoria Paroquial

1º lugar: Paróquia Divino Espírito Santo (Vale dos Lagos)
2º lugar: Paróquia Nossa Senhora da Saúde e Glória
3º lugar: Paróquia Sagrada Família (Nova Brasília de Itapuã)

 Categoria Institucional

1º lugar: Arautos do Evangelho
2º lugar: Projeto Levanta-te e Anda
3º lugar: Colégio Antônio Vieira

Categoria Residencial

1º lugar: Ivana Lima
2º lugar: Helvane Rúbia
3º lugar: Alaíde Bispo

Posted in Sem categoria | Leave a comment

NOVENA DO NATAL: PREPAREMO-NOS PARA A CHEGADA DO SALVADOR!

Preparemo-nos para a chegada do Salvador!

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Orações | Leave a comment

NOVENA DE NATAL: NATAL COM JESUS!

Preparemo-nos para a chegada do Salvador!

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Orações | Leave a comment

LANÇADA PELA ARQUIDIOCESE DE SALVADOR A REVISTA PRIMAZ

A Arquidiocese de Salvador passa a ter a Revista Primaz como seu mais novo instrumento de comunicação e evangelização. Lançada durante a confraternização natalina do clero, o impresso gratuito já está sendo distribuído nas paróquias e comunidades.

Lançada pela Arquidiocese de Salvador a Revista Primaz.jpg

Com 36 páginas, a publicação é produzida pela Pastoral da Comunicação da Arquidiocese de Salvador (Pascom).

Na edição de lançamento, a revista apresenta os principais acontecimentos na Arquidiocese de Salvador ao longo de 2017, como a peregrinação da Imagem de Nossa Senhora Aparecida, a criação do novo santuário arquidiocesano, as festas dos padroeiros (Senhor Bom Jesus do Bonfim e São Francisco Xavier), Caminhada Penitencial, Corpus Christi e a celebração dos 60 anos de sacerdócio do Arcebispo Emérito, Cardeal Dom Geraldo Majella Agnelo.

Além disso, os leitores poderão saber mais informações sobre o projeto ASA em Saída, promovido pela Ação Social Arquidiocesana (ASA), a atuação da Pastoral do Turismo (Pastur) neste ano e o Ano Nacional do Laicato, que teve um olhar direcionado à ação dos leigos na arquidiocese.

Aos interessados em saber como estão as restaurações que acontecem em alguns templos de Salvador, foi preparada uma matéria sobre a matriz da Paróquia Santíssimo Sacramento e Sant’Ana, completamente recuperada e entregue este ano, e a Catedral Basílica e o Palácio Arquiepiscopal, ambos ainda em processo de restauro.

Por fim, o bispo auxiliar Dom Marco Eugênio Galrão preparou para a primeira edição da Revista Primaz um artigo sobre o serviço pastoral. (LMI)


Fonte: Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/91856#ixzz51YuyeKRO

Posted in Sem categoria | Leave a comment

NOVENA DE NATAL: DIANTE DO PRESÉPIO, FAÇA OS SEUS PEDIDOS!

Preparemo-nos para a chegada do Salvador!

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Orações | Leave a comment

NOVENA DE NATAL: REZE CONOSCO!

Preparemo-nos para a chegada do Salvador!


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Sem categoria | Leave a comment

SALVADOR ACOLHE ENCONTRO PARA JOVENS INTERESSADOS EM PARTICIPAR DA JMJ 2019

A Comissão Arquidiocesana de Animação para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) promove no próximo sábado, 16 de dezembro, um encontro com os jovens interessados em participar da JMJ Panamá, que acontecerá em 2019.

Salvador acolhe encontro para jovens interessados em participar da JMJ 2019.jpg

A reunião terá lugar no Centro Arquidiocesano de Pastoral – Cúria Bom Pastor (Avenida Leovigildo Filgueiras, 270, Garcia), a partir das 9h.

Na ocasião, serão apresentadas as propostas de vigílias que acontecerão ao longo de todo o ano, momentos de espiritualidade e reuniões preparatórias.

“Nós também vamos contemplar, nesta reunião, a questão financeira, com orientações sobre como poderá ser custeada a participação dos jovens. Estamos convocando todas as pessoas para que a Arquidiocese de Salvador possa formar uma delegação rumo ao Panamá”, afirmou o referencial para a JMJ na Arquidiocese, Padre Guttemberg Edson de Souza Filho. (LMI)


Fonte: http://www.gaudiumpress.org/content/91827#ixzz51IPk5sqy

Posted in Sem categoria | Leave a comment

MARIA, PROTETORA DOS DOENTES: VISITA AO HOSPITAL DAS CLÍNICAS

No dia 22 de novembro de 2017, um grupo de Terciários dos Arautos do Evangelho realizou uma visita ao Complexo Hospitalar Professor Edgard Santos, conhecido como Hospital das Clínicas, no bairro do Canela, em Salvador. Portando a imagem peregrina do Imaculado Coração da Virgem de Fátima, o grupo proporcionou momentos de conforto espiritual e psicológico ao corpo médico, aos estudantes de medicina e de outras áreas da saúde, aos funcionários, sobretudo, aos doentes que ali são cuidados com muita competência e carinho.

A visita iniciou com a entrada da Imagem no interior da Capela dedicada a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, sendo colocada ao lado do altar. Em seguida, os integrantes dos Arautos, juntamente com os membros da Pastoral da Saúde que ali se encontravam recitaram o terço, colocando como intenções todos que, naquele local, prestam seus serviços, além de rezarem pelos doentes e seus acompanhantes.

   A seguir, foi celebrada a Santa Missa pelo Padre Jorge Brito, coordenador da Pastoral da Saúde da Arquidiocese de Salvador e pároco da Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, localizada no bairro de Pau da Lima, e concelebrada pelos Padres André Seutin e Rafael.

 Em sua homilia, o Pe. Jorge enfatizou a fidelidade da mãe e dos irmãos macabeus à Lei de Deus, e agradeceu o apoio dos Arautos nesta visita ao Complexo Hospitalar.

Depois da Missa, o Sacerdote percorreu as dependências do estabelecimento de saúde, acompanhado dos integrantes da Pastoral da Saúde e dos Terciários dos Arautos, com cânticos religiosos apropriados para a ocasião. A acolhida daquela ação de misericórdia não poderia ter sido melhor para todos, a começar pelos visitantes e acompanhantes que se encontravam nos corredores e em outras áreas do Hospital; pelos médicos e outros profissionais da saúde, além dos estudantes de medicina; pelos funcionários do Hospital, que paravam o que estavam fazendo para ouvirem as palavras do Padre Jorge e contemplarem o semblante maternal de Nossa Senhora e, principalmente, os doentes, que demonstravam muito agrado e verdadeira piedade ao verem Nossa Senhora, acompanhada de tantas pessoas, que entoavam cânticos e distribuíam medalhinhas milagrosas em meio a palavras bondosas e confortadoras.

 

           Realmente, foi tudo muito emocionante e gratificante! Bonito de ver a cena de um pai com seu filho nos braços, dirigindo a Nossa Senhora uma prece sentida e confiante, pela cura do mesmo. Ou de uma criança, que se dirige de forma vivaz como que compreendendo que se tratava de uma Celestial Visitante. Os testemunhos poderiam se multiplicar!           Como são verdadeiras e consoladoras as palavras do Divino Mestre: “Estive doente e me visitaste”!

Posted in Notícias, Peregrinação, Sem categoria | Leave a comment

CONVITE DO PRESÉPIO: VISITAS ABERTAS!

Como chegar:  (ver mapa) – ao lado do Batalhão de Choque da PM

Posted in Sem categoria | Leave a comment

NA MEDITAÇÃO NO PRIMEIRO SÁBADO DE DEZEMBRO, PREPAREMO-NOS PARA A CHEGADA DO MENINO JESUS!

A celebração ocorreu na Basílica de Nossa Senhora da Conceição da Praia, Padroeira do Estado da Bahia, na programação do seu novenário. Celebrada pelo Pe. Carlos Tonelli, EP, este nos alertou da chegada do Salvador, procurando sermos vigilantes, e prepararmos nossa casa interna, o coração, com amor ardente a Jesus e ao nosso irmão. Que Nossa Senhora nos condicione para essa chegada, fazendo com que sejamos zelosos na oração, com alegria indizível.  Que ao nos aproximarmos do presépio do Divino Infante, possamos de fato estar mais junto d’Ele, abrindo nossas almas para sua graça regeneradora, deixando que seu infinito amor nos santifique e nos torne dignos da eterna felicidade.

Posted in Sem categoria | Leave a comment

TRÍDUO A IMACULADA CONCEIÇÃO: NOSSA SENHORA, LÍRIO DE IMACULADA PUREZA!

Clique na imagem para rezar conosco o tríduo de Nossa Senhora.

O nome de Conceição ou Maria da Conceição é dado a muitas meninas em honra da imaculada conceição de Nossa Senhora. Conceição é o mesmo que concepção; quer dizer aqui o ato de ser concebido ou gerado no seio de uma mulher. Imaculada significa: sem mancha


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Sem categoria | Leave a comment

TRÍDUO A NOSSA SENHORA DA IMACULADA CONCEIÇÃO: MÃE IMACULADA, CONSOLO PARA OS PECADORES!

Clique na imagem para rezar conosco o tríduo de Nossa Senhora.

O nome de Conceição ou Maria da Conceição é dado a muitas meninas em honra da imaculada conceição de Nossa Senhora. Conceição é o mesmo que concepção; quer dizer aqui o ato de ser concebido ou gerado no seio de uma mulher. Imaculada significa: sem mancha


Fonte: Arautos do Evangelho

Posted in Sem categoria | Leave a comment

TRÍDUO A NOSSA SENHORA DA IMACULADA CONCEIÇÃO: REZE CONOSCO!

O nome de Conceição ou Maria da Conceição é dado a muitas meninas em honra da imaculada conceição de Nossa Senhora. Conceição é o mesmo que concepção; quer dizer aqui o ato de ser concebido ou gerado no seio de uma mulher. Imaculada significa: sem mancha

 

Posted in Sem categoria | Leave a comment

O ÓBULO DA VIÚVA

As lições contidas nos Evangelhos são para todos os homens, em todos os lugares e em todos os tempos. A sua linguagem simples e poética a todos encanta. Ensinando em parábolas, Nosso Senhor Jesus Cristo Se tornava acessível ao mais humilde ouvinte.

Um desses comovedores ensinamentos assim nos apresenta São Lucas: “Levantando os olhos, viu Jesus os ricos que deitavam as suas ofertas no cofre do Templo. Viu também uma viúva pobrezinha deitar duas pequeninas moedas, e disse: “Em verdade vos digo: esta pobre viúva deu mais do que os outros. Pois todos aqueles lançaram nas ofertas de Deus o que lhes sobra; esta, porém, deu, da sua indigência, tudo o que lhe restava para o sustento” (Lc 21, 1-4).

Deus, com efeito, toma em consideração, sobretudo a intenção com que agimos.

Certo jornalista ao conhecer as diversas construções que os Arautos do Evangelho estão empreendendo em diversos países, indagou como nos sustentávamos, recebendo como resposta: “Os Arautos do Evangelho vivem como toda associação católica: da promessa dos ricos e dos donativos dos pobres…”. Grande verdade!

E não está sendo diferente com a igreja que se está construindo em Lauro de Freitas (BA). Por estes dias, ao procurar correspondências na caixa de Correio, um arauto encontrou um pequeno saco com moedas, com as seguintes palavras, que merecem ser gravadas em local de honra da obra:
– Bom dia, essas moedas são para ajudar na construção da igreja. É pouca coisa, mas é de coração. É de uma humilde filha de Deus. Obrigada. 28/11/17.

Como não se comover diante de tal gesto?

Por certo, Nossa Senhora do alto do Céu sorriu para tal filha e a recompensará ao cêntuplo, sobretudo na eternidade, com moedas que não têm preço…

Posted in Sem categoria | 2 Comments

ESPECIAL: ADVENTO DO NATAL

Advento – adventus, em latim –  significa vinda, chegada. Todos os grandes eventos exigem uma preparação. Por isso, a Igreja instituiu, na Liturgia, um período que antecede o Natal.


Fonte: TV Arautos

Posted in Vídeos | Leave a comment

CATÓLICOS DE SALVADOR RENDEM HOMENAGENS A SANTA BÁRBARA

“Santa Bárbara, filha da Virgem Maria, discípula e missionária de Jesus, nos auxilia na fé” será o tema que inspirará os devotos baianos durante as festividades em memória de Santa Bárbara, conhecida popularmente como a protetora contra relâmpagos tempestades.

Católicos de Salvador rendem homenagens a Santa Bárbara.jpeg

As homenagens a Padroeira terão início com um tríduo preparatório entre 1º e 2 de dezembro, às 18h, e no dia 3, às 9h30, sempre na Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos (Pelourinho).

Antes do tríduo, haverá diariamente, às 16h, a recitarão do Santo Terço. A cada noite, as orações serão destinadas para grupos diferentes de pessoas, sendo pelos doentes e abandonados (1ª noite), pela Igreja e pelas famílias (2ª noite), e pela juventude (3º dia).

No dia da Festa de Santa Bárbara, 4 de dezembro, as atividades terão início às 5h, quando ocorrerá uma alvorada. Em seguida, os fiéis serão convidados a participar de uma Santa Missa campal às 8h, presidida pelo capelão, Padre Lázaro Muniz.

Encerrada a cerimônia, terá lugar uma procissão, que partirá do Rosário de Pretos com destino ao Corpo de Bombeiros (Barroquinha). Ao chegarem no local, os devotos farão uma parada para homenagear a Padroeira da corporação e, após, seguirão para a Baixa dos Sapateiros, Rua Padre Agostinho e Pelourinho entoando cânticos e orações em honra a Santa Bárbara. (LMI)


Fonte: www.gaudiumpress.org

Posted in Artigos, O Santo do dia, Sem categoria | Leave a comment

A MEDALHA MILAGROSA!

Assim se expressavam as pessoas à vista dos inúmeros fatos — muitos deles não explicáveis naturalmente — relacionados com a medalha que hoje o mundo conhece com “Medalha Milagrosa”.

Tudo começara com as aparições de Nossa Senhora a uma humilde noviça das Irmãs de Caridade, Catarina Labouré, hoje canonizada.

Optamos por transcrever a parte essencial da aparição em que Nossa Senhora manda cunhar a medalha.

São palavras de Santa Catarina Labouré:

“De repente, percebi em seus dedos [de Nossa Senhora] anéis revestidos de belíssimas pedras preciosas, cada uma mais linda que a outra, algumas maiores, outras menores, lançando raios para todos os lados, cada qual mais estupendo que o outro. Das pedras maiores partiam os mais magníficos fulgores, alargando-se à medida que desciam, o que enchia toda a parte inferior do lugar. Eu não via os pés de Nossa Senhora.

Nesse momento, quando eu estava contemplando a Santíssima Virgem, Ela baixou os olhos, fitando-me. E uma voz se fez ouvir no fundo de meu coração, dizendo estas palavras:

– A esfera que vês representa o mundo inteiro, especialmente a França… e cada pessoa em particular…

Não sei exprimir o que senti e o que vi nesse instante: o esplendor e a cintilação de raios tão maravilhosos…

– Estes (raios) são o símbolo das graças que Eu derramo sobre as pessoas que mas pedem – acrescentou Nossa Senhora, fazendo-me compreender quão agradável é rezar a Ela, quanto Ela é generosa para com seus devotos, quantas graças concede às pessoas que Lhas rogam, e que alegria Ela sente ao concedê-las.

– Os anéis dos quais não partem raios (dirá depois a Santíssima Virgem), simbolizam as graças que se esquecem de me pedir.

Nesse momento formou-se um quadro em torno de Nossa Senhora, um pouco oval, no alto do qual estavam as seguintes palavras: “Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a Vós”, escritas em letras de ouro.
Uma voz se fez ouvir então, dizendo-me:

– Fazei cunhar uma medalha conforme este modelo. Todos os que a usarem, trazendo-a ao pescoço, receberão grandes graças. Estas serão abundantes para aqueles que a usarem com confiança…

Nesse instante, o quadro me pareceu girar e vi o reverso da medalha: no centro, o monograma da Santíssima Virgem, composto pela letra “M” encimada por uma cruz, a qual tinha uma barra em sua base. Embaixo figuravam os Corações de Jesus e de Maria, o primeiro coroado de espinhos, e o outro, transpassado por um gládio. Tudo desapareceu como algo que se extingue, e fiquei repleta de bons sentimentos, de alegria e de consolação”.

 

(A Medalha Milagrosa – História e celestiais promessas, Mons. João Clá Dias, Prefácio de Dom Geraldo Majela de Castro, O. Praem.; Bispo Diocesano de Montes Claros ,ACNSF, São Paulo, 2001, pp. 28-29 )


Fonte: Arautos Monet Carlos

Ilustrações: Arautos do Evangelho, ACNSF
Posted in Sem categoria | Leave a comment