CONCEDIDA TERCEIRA ROSA DE OURO AO SANTUÁRIO NACIONAL DE APARECIDA

O Arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes, acolheu nesta segunda-feira, 9 de outubro, uma Rosa de Ouro, presente do Papa Francisco ao Santuário Nacional.

Concedida terceira Rosa de Ouro ao Santuário Nacional de Aparecida.jpg

O presente deve-se às comemorações pelo tricentenário do encontro da Imagem da Padroeira do Brasil nas águas do rio Paraíba do Sul.

A honraria foi prestada pelo representante do Pontífice durante as festividades do Jubileu dos 300 anos, o Cardeal italiano Giovanni Battista Re, Prefeito Emérito da Congregação para os Bispos e Presidente Emérito da Pontifícia Comissão para a América Latina.

O anúncio dessa homenagem ocorreu na celebração do 7º dia da Novena da Solene em preparação as festividades do Jubileu, por Dom Orlando Brandes.

Na carta de anúncio, emitida pelo Arcebispo, o próprio prelado menciona o agradecimento que fez ao Santo Padre pelo reconhecimento deste momento especial para os devotos brasileiros:

“Agradecemos ao Papa Francisco o envio da Rosa de Ouro, em comemoração aos 300 anos do encontro da imagem da Mãe Aparecida no rio Paraíba do Sul. Obrigado, Santo Padre, por mais esta demonstração de amor, devoção e carinho para com Nossa Senhora Aparecida (…)”.

Oferecida pelo Papa, a Rosa de Ouro representa a estima do Pontífice, bem como o reconhecimento de fatos históricos e personalidades que prestaram relevantes serviços à Igreja.

O costume de se presentear com uma Rosa de Ouro teve início com o Papa Leão IX, no século XI.

A primeira Rosa de Ouro concedida ao Brasil foi em 1888, pelo Papa Leão XIII à Princesa Isabel, após a mesma ter assinado a Lei Áurea, colocando fim a escravatura no Brasil.

No Santuário Nacional, essa é a terceira vez que o presente é enviado por um Papa. A primeira Rosa foi concedida pelo Papa Paulo VI em 1967, em virtude do Jubileu de 250 anos do encontro da Imagem. Em 2007, a homenagem foi trazida pelo Papa Bento XVI durante sua visita a cidade de Aparecida. (LMI)


Fonte: Conteúdo publicado em gaudiumpress.org

This entry was posted in Notícias. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *