PASSEIO PROVEITOSO AO PROJETO TAMAR E À IGREJA DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS

No intuito de contribuir para a formação cultural, os estudantes dos Arautos do Evangelho visitaram o Projeto Tamar, localizado na Praia do Forte, no estado da Bahia.

Acompanhados pelo Padre Antônio Carlos Coluço, EP e demais monitores, os jovens puderam conhecer e apreciar várias espécies marinhas.

Pesquisa, conservação e manejo das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, todas ameaçadas de extinção, é a principal missão do Tamar, que protege cerca de 1.100km de praias.

Há vinte e duas bases do Projeto pelo litoral do nordeste, do sudeste e do sul, sendo que dezoito funcionam o ano inteiro. Associado a este, está o Museu do Tamar, criado em 1982. Junto com a base de pesquisa, ocupa uma área total de dez mil metros quadrados, cedida pela Marinha do Brasil/Comando do IIº Distrito Naval, no entorno do farol Garcia D’Ávila.

A biodiversidade, a beleza natural e a riqueza histórica e cultural desta região turística fazem do Museu um dos mais frequentados do Brasil, atendendo a cerca de 600 mil pessoas/ano, entre membros da comunidade, estudantes, pesquisadores e turistas brasileiros e estrangeiros. Está juntamente com o de Florianópolis, entre os 5 museus mais visitados do Brasil em suas respectivas regiões, de acordo com o Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM.

Entre tanques e aquários, são 600 mil litros de água salgada com exemplares da fauna marinha da região e de quatro das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, em diferentes estágios do ciclo de vida. Tem multimídia, cinema, vídeo, aquários, tanques, exposição permanente de painéis fotográficos, loja e restaurante. Um espaço cultural recebe eventos com artistas nacionais, internacionais e locais. As informações estão distribuídas por todo o espaço, através de painéis em português e inglês. [1]

Ao término do passeio, ainda na região da Praia do Forte, os jovens puderam visitar a Igreja de São Francisco de Assis. Como forte atrativo turístico, a Igreja foi construída em 1990, em estilo colonial, por iniciativa dos pescadores, com o objetivo de homenagear e venerar seu santo protetor.


[1] http://www.tamar.org.br/centros_visitantes.php?cod=1

 

This entry was posted in Atividades com Jovens. Bookmark the permalink.

4 Responses to PASSEIO PROVEITOSO AO PROJETO TAMAR E À IGREJA DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS

  1. Renato Cruz Vieira says:

    Excelente iniciativa em prol do desenvolvimento cultural e apreço à preservação ambiental pelos jovens participantes das atividades dos Arautos.

  2. JANEL says:

    Fenomenal.
    Esse projeto Tamar, inspira valorizar as maravilhas da abundante natureza brasileira.
    Privilegio para os estudantes, sobretudo na companhia do querido Padre Antonio Colucu. Mais!

  3. David says:

    Nossa! Quantas crianças!

  4. Frederico Rezende says:

    Ótimo!
    Como sempre, os Arautos promovendo a cultura e alimentando a fé nas almas das pessoas!
    Magnífico trabalho amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *