“SE MILAGRES DESEJAIS, RECORREI A SANTO ANTÔNIO”

“Glorioso Santo Antônio, sobre vossos devotos lançai vossas bênçãos carinhosas do céu as graças nos daí”

“Meu insigne português oferecer-vos hoje quero, com todo meu coração, este meu culto sincero”. Através deste oferecimento e de outras orações, os Arautos do Evangelho realizaram a Trezena em honra ao glorioso Santo Antônio, na Sede Nossa Senhora da Reconquista e São Domingos de Gusmão, em Lauro de Freitas.

“Doutor da Igreja”, “Martelo dos Hereges”, “Arauto do Evangelho”, Santo Antônio é um dos Santos mais queridos do povo cristão que, através de procissões, cantos, ladainhas e outras orações, recorre à sua poderosa intercessão: “Pela sua intercessão foge a peste, o erro e a morte, o fraco torna-se forte e o enfermo torna-se são. Recupera-se o perdido, rompe-se a dura prisão…”. Desse modo, no primeiro dia da Trezena, sob os direcionamentos do Pe. Godofredo Rojas, EP, os Arautos do Evangelho seguiram em procissão com a imagem de Santo Antônio. Entraram no Batalhão de Polícia de Choque da Polícia Militar, em Lauro de Freitas, sendo recebidos pelo sub-tenente Rogério.

“Aqui todos reunidos, amigos devotados, louvando a Santo Antônio, rezando ao seu lado”

“O campo é muito grande aonde vai pregar, Antônio de Lisboa como se quer chamar. Não há dificuldades pregar aqui e ali. Se faz o que Deus quer, não há que preferir”

O Santo Doutor destacou-se por ser um grande orador. Nas suas pregações, falava muito sobre Nosso Senhor Jesus Cristo com inúmeras passagens das escrituras. Por conta disso, Ele ficou conhecido como “Doutor Evangélico”. A devoção popular à Santo Antônio dar-se em inúmeros países. “Queremos Santo Antônio que é o nosso Padroeiro, pois Ele é conhecido por este mundo inteiro”. Ele nos dá o seu exemplo não só por meio dos seus sermões, mas também através do estímulo de vivermos a nossa vocação cristã de discípulos e missionários de Jesus. Para conhecer um pouco mais sobre a vida de Santo Antônio, quem teve o Menino Jesus nos braços, clique aqui.

No último dia da Trezena, os Arautos do Evangelho saíram em procissão pelas ruas próximas à Sede Nossa Senhora da Reconquista e São Domingos de Gusmão, entoando cânticos em louvor a Santo Antônio. Em seguida, ocorrera a Santa Missa celebrada pelo Pe. Carlos Tonelli, EP.

“Passaram muitos séculos e continua o povo: a festejar Antônio, parece um Santo novo”

Pe. Tonelli nos recorda a simplicidade do Santo, bem como modelo de amor à Deus

“Subi precioso incenso até o trono do altíssimo, incensai Glorioso Antônio
com perfume suavíssimo!”

Muitos recorrem a este Santo no auxílio de graças, invocando-o: “pois também meu Santo ouve o que vos peço, ouve o que vos peço sabéis o que quero. Auxílio de graça, cuja graça espero”. Porém, além das intercessões a que recorremos, devemos ter este grande apóstolo de Nosso Senhor como modelo de santidade. Assim como Ele fora um grande Arauto do Evangelho para com todos, sejamos, pois, pregadores do Evangelho a todas as criaturas, com as nossas palavras e, sobretudo, com a nossa vida. Para isso, através das nossas atitudes, possamos anunciar o Menino Jesus, assim como Santo Antônio fez, enxergando-o como exemplo de caminhada, modelo de caridade, “Pão dos pobres”, “padrão de virtudes”, o “amigo dos aflitos”, o “amigo dos necessitados”, “amigo dos que invocam o vosso auxílio”.  Por isso:

Eu vos peço, Oh! Antônio,
por vossa trezena querida,
que nos lance a vossa bênção
durante a nossa vida.
Rogai por nós, Oh! Antônio,
lá no céu, onde reina a alegria,
junto a Deus.

Este slideshow necessita de JavaScript.

This entry was posted in Missas e Procissões, Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *